terça-feira, 2 de março de 2010

Nosso planeta é feito de plástico


Vocês já pararam para pensar como consumimos plástico?

Contem comigo:

Quando um bebê nasce a primeira coisa plástica que ele recebe é a chupeta. Para algumas maes uma bomba plástica para retirar o leite e depois a crianca recebe uma mamadeira plástica;

Quando fazemos as festas de aniversário dos nossos filhos lá vamos nós comprar os refrigerantes que vêm aonde? Adivinhem? Sim, em garrafas plásticas e o servimos em copos plásticos, com garfinhos e pratinhos plásticos para comer o bolo.

Quer um cafezinho? Sim,na firma em que eu trabalho ele vem servido em copinho branco de plástico com colherzinha plástica e tudo mais para adocarmos o café.
Vamos ao mercado? Claro, que belo programa! Compramos a margarina que vem dentro de uma caixa plástica; compramos o iogurte super saudável que vem dentro de um copinho plástico; preciso de shampoo para os cabelos e também de um condicionador. Imaginem que embalagem lindas eles têm? Todas plásticas.
Preciso de material de limpeza, às embalagens? Plásticas!!!
Preciso comprar salsicha para o cachorro quente, lingüica para o churrasco, carne, todas embaladas em plástico e quando nao até à vácuo. Ket Chup? O do vidro nao, nao tem gosto, melhor aquele vermelho de embalagem plástica com tampa plástica também.
E as compras como vou levá-las para casa? Claro, porque nao em bolsas plásticas?

Como se chama mesmo este planeta em que vivemos, hen?

Planeta Terra. De Planeta Terra ele nao tem nada.

E depois estamos batendo no peito dizendo que somos ecológicos...

Fazendo parte do Ecological Day proposto pela Sonia Mascaro.

*** E lembrando aos nossos amigos, o blog é mensal, todo dia 2 de cada mês.

Atenção: É expressamente proibido a cópia deste texto e imagens sem a autorização prévia do autor.

9 comentários:

Mimirabolante disse...

Georgia.....li esta postagem....realmente isso é muito preocupante.....
Quanto ao seu comentário:acho que vc fez somente uma pequena confusão!A Véu de Noiva é em Itatiaia,continua do mesmo jeito linda e preservada......existe uma cobrança em relação a ela.......Em Miguel Pereira existem umas 3 cachoeiras e que infelizmente foram modificadas pelo homem,como construções desordenadas e etc.....mesmo assim,são lindas.....Tanto Paty,quanto Miguel estão um pouco abandonadas......por isso fiz o blog....para tentar conscientizar !!!!bjcas

Chica disse...

Essa postagem ficou maravilhosa!Li na Geórgia e adorei!beijos,chica

Mimirabolante disse...

Geórgia
É Santa Branca.....continua linda,é muito frequentada.....não passou por nenhum processo de modernização....é claro que o homem é predatório e nos finais de semana ela deve ficar bem suja sim.....tem um bar.....as pessoas comem,bebem,devem fazer suas necessidades tbm (pressuponho)e degradar......o que o homem não destrói??????bjcas

Felipe disse...

Menina não tenho o dom da escrita como vc, mas gosto de fotografar é minha paixão e meu trabalho, li e concordo contigo, mas será que um dia isso terá remédio, então façamos nós a nossa parte quem sabe um dia isso possa ser melhorado,
eu estou inicinaod no caminho dos blog fiz um, mas é mais diático, pretenciosos eu né, mas um dia qdo souber escrever assim além das minhas sfotos postarei tb minhas crônicas e textos
meu end do blog
http://fffotografo.blogspot.com/

Luciana Håland disse...

Eu presto atencão nisso todos os dias. Como separo os plásticos, encho uma sacola de supermercado, que é de plástico também, bem ligeirinho, e olhe que a sacola do supermercado daqui da Noruega é bem grande. Tem dias que me sinto sufocada de tanto plástico, vou enchendo sacolas e juntando pra ir deixar no posto de coleta, e junto umas 6 sacolas bem cheias todo mês, e isso porque só sou eu e marido em casa, näo temos crianca, que também os produtos vem em plástico.
Nos aniversários de crianca, já não basta os copos, pratos, talheres de plástico, eles ainda usam toalha de mesa de plástico descartável, cartazes com figuras de plástico, balões (não sei se é plástico mas causa o mesmo efeito destruidor), e mais outras coisinhas plásticas que enfeitam o ambiente e tentam enterter as criancas, tudo isso me arrepia.
Sem falar nas fraldas e absorventes com plástico também.

Cónego João J.G. Andrade disse...

Tem toda a razão:a este ritmo acabaremos por sufocar em tanto plástico, indubitavelmente o resíduo produzido em maiores quantidades, numa escala global. E de quem é a culpa? De todos nós! Temos de acabar com esse consumismo desenfrado que vai acabar nos sufocando a todos! Custa muito levar a sua bolsa de tecido para o supermercado? Levar as garrafas retornáveis em vidro? Usar louça em vez de pratinhos e talheres de plástico?
Nos países do norte da Europa algumas destas práticas já estão a ser adoptadas e, estou certo, o caminho é por aí...

Barbie Girl disse...

Nossa como isso me preocupa, precisamos mudar isso!!

beijos

sonia a. mascaro disse...

Querida Georgia,
Só hoje vi este post super interessante feito para o Ecological Day.
Desculpe-me esse atraso...
Obrigada pela participação e pelo link ao Leaves of Grass.
Beijos :)

Lee disse...

Concordo contigo!

Mas somos reféns da indústria, o que podemos fazer é dar um fim correto para os produtos que consumimos.ser ecologicamente correto neste país custa caro.

acesse: http://saletecampos.blogspot.com